Chefes de Estado e de Governos
continuam a felicitar Presidente eleito
de Angola

Date:

Vários Chefes de Estado e de Governos continuam a felicitar o Presidente eleito de Angola, João Lourenço, desde a divulgação dos resultados definitivos das Elei

ções Gerais, realizadas a 24 de Agosto último. Este sábado foi a vez de Espanha, Guiné-Bissau e Gabão, que se juntaram às manifestações similares de sexta-feira feitas pelos Estados Unidos da América, Portugal e China.

O Governo espanhol, através de um comunicado do Ministério dos Negócios Estrangeiros, saúda o povo e o Executivo angolano pela realização das Eleições Gerais de 24 de Agosto, cujo resultado foi sexta-feira validado pelo Tribunal Constitucional, destacando que “decorreram num clima de paz marcado pela normalidade”.

Já o Presidente da Guiné-Bissau, Umaro Sissoco Embaló, declarou que, em nome do povo guineense e no seu, deseja ao Estadista angolano “calorosas felicitações” pela reeleição.
“Nesta feliz ocasião, gostaria de, em nome do povo guineense e em meu nome próprio, realçar a importância dos laços de amizade e de cooperação existentes entre os dois povos e países, reafirmar à Vossa Excelência a minha determinação em tudo fazer que os mesmos se desenvolvam e se consolidem cada vez mais em proveito dos nossos dois povos amigos”, refere a mensagem
enviada a João Lourenço.
O Presidente guineense desejou ainda “votos de boa saúde, felicidades pessoais” a João Lourenço, assim como “o bem-estar contínuo ao povo angolano”, enquanto Ali Bongo Ondimba sublinha, em comunicado, que “por esta escolha, os angolanos manifestaram o desejo de continuarem a ser por si dirigidos”.
Além de Espanha, Guiné-Bissau e Gabão, já na sexta-feira outros líderes mundiais haviam felicitado a reeleição de João Lourenço. Antony Blinken, secretário de Estado norte-americano, espera trabalhar com o Presidente eleito “para fortalecer a relação vital entre Angola e os Estados
Unidos”.  “Continuaremos a colaborar estreitamente com o Governo angolano e o povo angolano para promover os nossos objectivos compartilhados, enquanto trabalhamos juntos para promover um futuro mais sustentável, seguro, inclusivo e próspero”, reforça Blinken.
“Saudamos os milhões de eleitores angolanos que votaram nestas eleições e, ao fazê-lo, demonstraram o seu empenho no reforço da democracia.
Esperamos trabalhar em parceria com os líderes eleitos de Angola para forjar um amanhã melhor para todos os angolanos e americanos”, concluiu o secretário de Estado norte-americano.
Por outro lado, o Chefe de Estado da República Popular da China, Xi Jinping, felicitou, também, sexta-feira, o MPLA e o presidente João Lourenço pela vitória nas Eleições Gerais de 24 de Agosto último. Foi mensageiro o embaixador extraordinário e plenipotenciário da República Popular da China em Angola, Gong Tao.  O diplomata chinês aproveitou, também, o momento
para falar da necessidade do reforço da cooperação bilateral nas mais variadas vertentes, assim como da efectivação de visitas de alto nível quer de Angola para China e vice-versa.  Enquanto isso, na página oficial da Presidência da

República Portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa escreveu que “terminado o
processo eleitoral, com o Acórdão do Tribunal Constitucional de Angola”, é
hora de o felicitar pela reeleição.

Reacções sublinham a perspectiva de estabilidade e de segurança na
política externa angolana       Na quinta-feira, o Chefe de Estado do Botswana, Mokgweetsi Masisi, felicitou o homólogo angolano, pela reeleição ao cargo de Presidente da República,
expressando a sua  convicção de que o momento traduz a confiança que o povo tem na liderança de João Lourenço.
Na missiva, Mokgweetsi Masisi elogia o Governo e o povo de Angola pela realização de eleições pacíficas e livres, reafirmando o compromisso de o seu país continuar a trabalhar com Angola a nível bilateral, regional e internacional.
Por seu turno, no mesmo dia (quinta-feira), o Presidente da República Dominicana, Luis Abinader, apresentou felicitações, realçando que este feito confere ao Estadista poderes para continuar a dirigir os destinos da Nação. Luis Abinader formula, em nome do povo dominicano, do Governo e no seu próprio, os melhores desejos, para que este novo mandato continue a realizar
importantes contribuições no fortalecimento da liberdade, da manutenção da paz e da solidariedade. “Igualmente, confiamos na continuidade das excelentes relações diplomáticas, comerciais e culturais que existem entre as nossas Nações e um impulso renovado dos intercâmbios bilaterais entre os nossos países”, escreve ainda o Presidente da República Dominicana, antes de reiterar as felicitações ao Estadista reeleito no pleito de 24 de Agosto último. Vladimir Putin e Daniel Ortega, respectivamente, Presidentes da Rússia e da Nicarágua, juntaram-se à onda de saudações pela recondução de João Lourenço.
O Presidente russo sublinha que a reeleição ao cargo de Presidente da República responde, “sem dúvidas”, aos interesses, de raiz, dos dois povos e segue em prol do reforço da segurança e estabilidade no continente africano.

“De toda a alma, desejo-lhe êxitos e muita saúde e bem-estar”, escreve Vladimir Putin, augurando que esta nova fase continue a contribuir para o desenvolvimento da cooperação construtiva bilateral em várias áreas, lembrando que as relações russo-angolanas se baseiam nas tradições antigas de amizade e respeito mútuo.
Esta é a segunda vez que a Rússia felicita o Presidente João Lourenço pela vitória nas Eleições Gerais de 24 de Agosto. O primeiro gesto foi manifestado pelo vice-presidente do Conselho de Segurança da Rússia, Dmitry Medvedev.
Na mensagem de felicitação, Dmitry Medvedev, que já ocupou os cargos de Primeiro-Ministro e de Presidente da Rússia, disse não ter dúvidas de que a experiência política e alto profissionalismo do Presidente João Lourenço vão contribuir para o desenvolvimento socioeconómico efectivo do Estado angolano.
João Lourenço recebeu, também, felicitações do Presidente da Nicarágua, Daniel Ortega, que desejou muito sucesso a João Lourenço e ao povo angolano por essa nova fase. “Saudamos a si, Movimento Popular de
Libertação de Angola, e a todo o vosso povo, por esta nova vitória nas
Eleições”, refere.
Outros Presidentes, nomeadamente, Hage Geingob (Namíbia), Cyril Ramaphosa (África do Sul), além do Governo do Brasil, os partidos políticos concorrentes, através dos seus líderes, Dinho Chingunji (P-NJANGO) e Florbela Malaquias (PHA) também desejaram boa governação para os
próximos cinco anos de mandato.
A Comissão Nacional Eleitoral (CNE) divulgou a acta de apuramento final das Eleições Gerais de 24 de Agosto, que proclamou o MPLA e o seu candidato, João Lourenço, como vencedores com 51,17% dos votos, elegendo 124 deputados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Subscribe

spot_imgspot_img

Popular

More like this
Related

Andreia Vanessa Simões dirige a Comissão de Mercado de Capitais

O Chefe de Estado, João Lourenço, nomeou, quinta-feira, Andreia...

Sonangol arrecada 20.197 milhões de kwanzas com venda de acções na Caixa Angola

A Sonangol arrecadou 20.197 milhões de kwanzas com a...

Angola na tradicional recepção do casal Biden

A Embaixadora Maria de Jesus Ferreira, Representante da Missão...

Presidente do parlamento pede rigor na gestão dos recursos

A Presidente da Assembleia Nacional (AN), Carolina Cerqueira, conferiu...