Fazendeiro Alféu Vinevala aposta na multiplicação de sementes no Bié

Date:

Um total de 1.550 toneladas de sementes de cereais começa, esta semana, a ser distribuído pelo produtor Alféu Vinevala, aos agricultores das províncias do Bié, Huambo, Huíla, Benguela e Cuanza-Sul.

A iniciativa decorre no âmbito de um programa ambicioso que está a ser promovido pelo empresário agrícola, que visa tornar o país auto-suficiente na produção de grãos.

Alfeu Vinevala, que durante a safra agrícola 2021-2022, produziu cerca de 2.000 toneladas de alimentos diversos, investiu mais de um milhão de dólares na produção de 800 toneladas de sementes de trigo, 300 de milho, 250 de feijão e 200 toneladas de soja, que numa primeira fase serão entregues a produtores locais e ainda das províncias do Huambo, Huíla, Benguela e Cuanza-Sul.

“Tenho um programa agrícola muito ambicioso, que visa tornar o país a médio e longo prazo, numa referência da produção de cereais na zona da SADC. É um processo que envolve mais de 70 produtores do centro e sul de Angola, num total de 12 províncias”, afirma.

Investimentos

Para a segunda fase do processo de produção de sementes, que deve arrancar dentro de três meses, na localidade de Eyumbi, município do Chinguar, zona em que está estruturado todo o trabalho de coordenação do conjunto das operações, o fazendeiro Alféu Vinevala tem em forja a multiplicação de mais de 5.000 toneladas de sementes de trigo, 700 de soja, 600 de feijão e 500 toneladas de milho, capacidade com as quais pretende estender as linhas de distribuição para as restantes províncias produtivas do centro e sul de Angola, que fazem parte do projecto.

“O Executivo apresentou no mês de Junho, um projecto de produção para cereais, que abarca além das províncias constantes no nosso projecto, as localidades do Leste e já nesta senda, que nós estamos a trabalhar na multiplicação de mais de seis mil e 800 mil toneladas de sementes para massificar a produção de cereais e de outros tipos de grãos nas regiões produtoras do país, com realce para a zona leste”, frisou.

Alféu Vinevala, que espera investir mais de dois milhões de dólares no ano agrícola 2022-2023, cujo arranque está previsto ainda para o final do mês de Setembro, augura uma safra bastante proveitosa, em que tem na produção de trigo em grande escala, a maior aposta produtiva.

“A aposta do Estado no segmento do grão é bastante evidente, e o Presidente da República João Lourenço foi muito incisivo neste aspecto, durante as suas intervenções públicas. E acredito que não falhe neste aspecto, sendo que é aí onde nós os produtores temos de aparecer para contribuir na consolidação da Reserva Estratégica Alimentar do país, e com ele assegurarmos a estabilidade produtiva do país para a segurança alimentar das nossas populações”, garante.

Indústria transformadora eleva a produção

Com a estratégia virada na redução significativa da importação de alimentos, sobretudo de cereais, Alféu Vinevala disse ao Jornal de Angola, que tem projectado a instalação de um espaço industrial transformador para a região do Eyumbi, tendo em atenção os elevados níveis de produção da região.

“O Eyumbi, o Cutato e outras zonas da Província do Bié estão a produzir significativamente, e os dados estatísticos comprovam o facto.  Há dificuldades na evacuação desta produção, o que cria excedentes e com ele, falta de aproveitamento da produção. Isso leva-me a ambicionar, para um futuro a médio prazo, a edificação, aqui na nossa região, de indústrias transformadoras que sirvam para melhor aproveitamento de todo o excedente produtivo da província”, enfatiza. 

A fazenda Vinevala e Filhos, localizada na região do Eyumbi, município do Chinguar, de acordo com estimativas do seu mentor, colheu na safra agrícola 2021-2022, perto de duas mil toneladas de alimentos diversos, entre milho, trigo, batata, feijão, alho, cebola e diversos tipos de hortícolas. Em 2022-2023, o fazendeiro espera colher o dobro da produção alcançada na anterior jornada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Share post:

Subscribe

spot_imgspot_img

Popular

More like this
Related

Andreia Vanessa Simões dirige a Comissão de Mercado de Capitais

O Chefe de Estado, João Lourenço, nomeou, quinta-feira, Andreia...

Sonangol arrecada 20.197 milhões de kwanzas com venda de acções na Caixa Angola

A Sonangol arrecadou 20.197 milhões de kwanzas com a...

Angola na tradicional recepção do casal Biden

A Embaixadora Maria de Jesus Ferreira, Representante da Missão...

Presidente do parlamento pede rigor na gestão dos recursos

A Presidente da Assembleia Nacional (AN), Carolina Cerqueira, conferiu...